República Checa nega receber mais refugiados

Foto – refugiados, Vista Direita

O Presidente checo, Milos Zeman, assegurou esta quarta-feira (06.09) preferir que o seu país renuncie a fundos da UE em vez de acolher refugiados, numa referência à rejeição do recurso da Eslováquia e Hungria contra o sistema europeu de recolocação de requerentes de asilo.

O chefe de Estado checo já tinha considerado em anteriores declarações que os imigrantes muçulmanos não podem integrar-se na Europa e que a chegada de refugiados aumenta o risco de atentados terroristas.

Em paralelo, a primeira-ministra polaca, Beata Szydlo, também reiterou a recusa da Polónia em aceitar refugiados no âmbito do programa europeu.

Fonte: Le Monde, Paris

Deixar um comentário