Merkel falha negociações para formar Governo

Foto: AFP

Desde as eleições de Setembro passado, a CDU (União Democrata Cristã) de Angela Merkel, a União Social-Cristã (CSU), o FDP e Os Verdes, negociavam para alcançar um acordo prévio que lhes permitisse iniciar negociações formais de coligação.

Após o fracasso de mais uma ronda negocial, Angela Merkel garantiu que fará tudo para que a Alemanha seja bem liderada durante “as difíceis semanas que se avizinham”. O líder do partido liberal alemão (FDP) diz que é melhor uma situação de impasse, que um “Governo errado”.

Os pontos críticos das negociações têm que ver com a política de refugiados, a luta contra as alterações climáticas e os desejos de reduções fiscais por parte do FDP. O Presidente alemão, Frank Walter Steinmeier, tinha instado os partidos a chegarem a um compromisso e apelou para que assumissem as responsabilidades que os eleitores lhes deram nas eleições de Setembro.

Na história da República Federal da Alemanha, isto é desde 1949, nunca houve um Governo de minoria a nível federal, e formaram-se sempre coligações com acordos prévios que fazem as vezes de programa comum de Governo.

Fonte: RTP

Deixar uma resposta