Mais de 200 pessoas morrem em ataque a mesquita no Egipto

AFP

Pelo menos 230 pessoas foram mortas e outras 125 ficaram feridas, nesta sexta-feira (24.11), em um ataque contra uma mesquita no Sinai, no Egipto, reportaram os meios de comunicação estatais, citados pela agência Reuters.

Foi um dos ataques mais mortíferos da insurgência islâmica da região. Segundo informações avançadas pela Reuters, uma grande explosão no local foi seguida da chegada de quatro carros com homens vestidos em roupas militares que abriram fogo contra os fieis.

A mesquita atacada fica na cidade de Bir al-Abd, a cerca de 40 quilómetros da capital da província do norte do Sinai, El-Arish. O atentado ainda não foi reivindicado.

O presidente do Egipto convocou de imediato uma reunião de emergência de seu gabinete de segurança a após o ataque, noticiou a agência de notícias estatal Mena.

 

Deixar uma resposta