George Weah anuncia corte de 25% no seu salário de Presidente

O recém-eleito presidente da Libéria e ex-jogador de futebol, George Weah, anunciou, esta segunda-feira (29), que vai cortar o seu salário em 25%. No seu discurso, o novo Chefe de Estado alertou a população para o mau estado da economia do país.

“Devido à muito rápida deterioração da situação da economia, estou a informar-vos hoje que, com efeitos imediatos, vou reduzir o meu salário e benefícios em 25%”, anunciou Weah, citado pelo jornal The Guardian, o valor restante num fundo de desenvolvimento para a Libéria.

Weah tinha prometido uma repressão à corrupção endémica existente no país e tem-se esforçado por apresentar medidas que a contrariem. No entanto, não é a primeira surpresa do seu mandato. O presidente quer revogar um artigo presente na Constituição e que apenas permite a “pessoas de cor” serem consideradas liberianas ou possuirem propriedades no país.

Deixar um comentário