Exército do Zimbabwe assume o controlo do governo

O exército zimbabweano assumiu na madrugada desta quarta feira o controlo do governo e colocou a familia Mugabe sob prisão domiciliar.

Embora as forças do exército tenham negado tratar-se de um golpe de estado, a tomada do governo assim como da emissora de televisão nacional são indicadores de um golpe estatal.

Num comunicado proferido na televisão estatal ZBC, o general brigadeiro Sibusiso Moyo disse que a tomada do controlo das instituições do estado visa restaurar a ‘sanidade’ do país.

“A situação no nosso país tomou níveis alarmantes. É nossa vontade assegurar a nação que a Sua Excelência o Presidente da República do Zimbabwe e Comandante-em-Chefe das Forças de Defesa Robert Mugabe e sua família encontram-se seguras e sãs e a segurança deles está totalmente garantida “, afirmou.

“O nosso alvo são apenas os criminosos que ladeaim o presidente que estão a causar sofrimento social e económico no país. O nosso objectivo passa por levá-los à justiça. Assim que cumprirmos a nossa missão, esperamos que a situação retorne a normalidade.”

“Queremos deixar bem claro que não se trata da tomada militar do governo. O que as Forças de Defesa estão a fazer é restaurar as bases que visam pacificar a situação política, social e económica do nosso país. Se estas questões não forem lidadas com máxima urgência, poderão gerar conflitos violentos.”

 

New Zimbabwe

Deixar uma resposta