Catalunha ainda não é independente

Carles Puigdemont, líder separista da Catalunha

“A Catalunha ganhou o direito a ser um estado independente”. Carles Puigdemont declarou esta terça-feira a independência da região, para segundos depois pedir ao parlamento catalão que suspenda o processo durante algumas semanas, de forma a abrir espaço para o diálogo e para chegar a uma solução negociada com Madrid.

Num discurso em catalão, Puigdemont recorreu ao castelhano para dizer a toda a Espanha que não são “loucos, nem golpistas”.

Em actualização.

Deixar uma resposta